Crónicas de uma Leitora: [Balanço 2012] Raquel

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

[Balanço 2012] Raquel


Hoje é a minha vez de fazer o meu balanço de 2012. Foi um ano que li de tudo um pouco para experimentar, e me desprendi do meu género de livros e agarrei outros e me arrependi algumas vezes.

Livros lidos - 141

Nem eu acredito que li tantos este ano quando a minha meta era ler pelo menos cem. Li mais durante a estação do Verão e Outono devido ás férias. Comecei a inscrever-me no Bookcrossing a livros que não me diziam muito e que até poderia gostar e ler coisas novas.

Autores novos.  Não faço a mínima quantos autores novos li, nem sei de que nacionalidade são, mas Portugueses li 14 novos autores. As melhores descobertas, cada um com o seu estilo, foram sem duvida Julliet Marillier, Ruta Sepetys e S.J. Watson . Dos Portugueses Rui Madureira, Vasco Ricardo e Joaquim Fernandes.

Em géneros, continuei a ler o que mais gosto, Fantástico. Embora tenha descoberto um pouco do romance, e a leitura mais sensual, acho que que irei ler alguns volta e meia, embora tenha algumas saudades das minhas sagas fantásticas que devo fazer “maratona” devido a ter acumulado os livros aqui em casa. Dei uma segunda chance a Patrivia Briggs no terceiro livro e nunca mais a larguei.

Fiquei desiludida com alguns livros, muitos na verdade, isto porque o meu género de eleição é o Fantástico como já tinha dito e experimentar outras coisas acontece obviamente livros que gostei e de outros não. Não gostei de alguns romances que li, principalmente a Susan Lewis, que me fez ler os seu livro na diagonal e saltar muitas coisas, tal como a Cathy Kelly. E Nora Roberts, é giro e não me desiludiu assim muito, mas que só peguei este ano porque me emprestaram e não faz nada o meu género, mas não vai ser autora que irei seguir. No Fantástico Cassandra Clare que eu pensava que ia adorar mas não, tal como Matt Haig.

Em termos de compras, deixei-me disso, mais ou menos, este ano descobri que através do facebook muito grupos, talvez demasiados visto que me perdi na maior parte deles, muita gente com quem poderia trocar livros e assim realizei muitas trocas. Mesmo assim comprei em segunda mão por volta de 5 ou 6 livros.
Li mais livros em português do que em inglês, claramente, mas não resisti e li algumas continuação em inglês porque sou impaciente e la teve de ser, principalmente Nalini Singh.

Quanto aos melhores do ano:
Um longo inverno - Ruta Sepetys
A hora das Bruxas – Anne Rice
Antes de Adormecer - S.J. Watson
Persépolis - Marjane Satrapi
A filha da Floresta – Juliet Marillier

Foi um ano cheio de descobertas, com alguns livros que me fizeram soltar as lágrimas, que me viciaram e que me fizeram desejar saber mais e mais. Sem duvida que Antes de Adormecer ainda está marcado em mim e acho que sempre estará. Dediquei-me mais as Bandas desenhadas sendo a que mais gostei o Persépolis por ter o toque da arte na história em si.
Este ano irei continuar a ver que livros poderei gostar, a desiludir-me, mas irei dar mais importância aos que tenho em casa, aqueles que ficam triste por não pegar neles e por os adorar. Tentarei ler mais portugueses, por ser algo que gosto de descobrir.

Feliz 2013, cheio de boas leituras!

Raquel

Sem comentários:

Enviar um comentário