Crónicas de uma Leitora: Novidade Porto Editora - O Império das Asas

quarta-feira, 26 de junho de 2013

Novidade Porto Editora - O Império das Asas

 
O império das asas de Claire Corbett
Edição/reimpressão: 2013
Páginas: 512
Editor: Porto Editora
 
Em O Império das Asas só os ricos podem voar
Romance de estreia de Claire Corbett passa-se num futuro próximo dividido entre voadores e não-voadores 
 
Claire Corbett estreia-se na ficção com O Império das Asas, um livro que nos faz viajar para um futuro próximo, onde a tecnologia está tão avançada que os humanos podem voar – mas só os que conseguirem pagar essa transformação. O Império das Asas, que a Porto Editora publica a 5 de julho, é um romance original sobre sacrifícios, traições e amor, onde se levantam questões sobre a sociedade atual e as suas disparidades, e sobre como podemos traçar o caminho a seguir no que diz respeito à evolução do ser humano.

No centro da história está uma rapariga que, vivendo na terra, ambiciona voar e conhecer o céu e a vida nas nuvens. As descrições desse mundo são das facetas mais originais do livro de estreia de Claire Corbett, que simultaneamente engloba fantasia, thriller e romance.

SINOPSE
Voar deixou de ser um sonho impossível, mas apenas os ricos e poderosos podem pagar a cirurgia, medicamentos e manipulação genética para tal. Peri, uma jovem de classe baixa, está disposta a qualquer coisa para conseguir as suas asas e juntar-se à elite, mas cedo descobre que o preço do seu sonho é mais elevado do que alguma vez imaginara. Será ela capaz de abdicar de tudo o que lhe é fundamental na vida?

A AUTORA
Claire Corbett nasceu no Canadá e trabalhou em cinema. Os seus artigos e contos têm sido transmitidos na Radio National e publicados em várias revistas e jornais, nos quais se incluem Rolling Stone, Cinema Papers, Picador New Writing e Sydney Morning Herald.

O Império das Asas é o seu primeiro romance. Claire vive com o marido e os filhos nas Montanhas Azuis, na Austrália.

IMPRENSA
Um livro inebriante, que me fez sonhar com coisas nunca imaginadas. O mundo de voar é tão completo, pormenorizado e real que fiquei com a impressão de eu própria ter voado e sentido as minhas asas.
Jane Campion, realizadora do filme O Piano

Uma história inebriante.
Sunday Territorian

Um livro fascinante que nos vai lançando questões ao longo das suas páginas… e também acicatando o desejo de termos asas próprias. Impossível parar de ler.
Townsville Bulletin

Um voo de fantasia altamente estimulante.
Sunday Heral Sun

Este livro despertará nos leitores o desejo de voar. Indispensável em todos os clubes de leitura do género.
Salt

Sem comentários:

Enviar um comentário