Crónicas de uma Leitora: Tormenta | Julie Cross | Opinião

sexta-feira, 27 de novembro de 2015

Tormenta | Julie Cross | Opinião

http://cronicasdeumaleitora.leyaonline.com/pt/livros/fantastico/tormenta/


Este livro foi uma surpresa bastante agradável, confesso que não sei bem o que esperava dentro do tema, o qual sempre me despertou interessa mas que nunca tive disponibilidade de "investigar". Além de uma escrita muito fácil que nos deixa embrenhar facilmente na história a autora criou personagens intrigantes e adicionou às viagens no tempo um pouco de espionagem.

De início julguei estar perante um livro YA típico com miúdos que fazem coisas "giras" e que as mesmas teriam consequências com meia dúzia de peripécias pelo meio, porém devido à sua maturidade acabamos por encontrar um livro mais sério com muita acção, com agências de espionagem em luta, fugas e saltos no tempo espectaculares. Vamos tendo aqui alguma noção do efeito borboleta mas parece que ninguém se preocupa muito com isso dando saltos para o passado e o futuro para tentar resolver problemas que possam surgir.

Adorei ver a forma como Jackson vai evoluindo e amadurecendo ao longo do livro, a forma como o enredo foi construído conseguiu deixar que o protagonista fosse aos poucos dando mais de si, a sua relação com Holly foi bastante peculiar porém é Adam que se mostra uma personagem fantástica, completamente incomum, completamente geek, adorável. Conseguimos ver ali o drama no meio e há uma conversa em particular que além de me ter partido o coração devido às circunstâncias me deixou muito intrigada e com muita vontade de ler "Vortex" (o segundo livro no original).

Foi uma boa leitura, a autora soube cativar, deixando o leitor suspenso durante o desenrolar da história. O final deixou-me muito triste embora entenda porque se toma determinadas atitudes mas confesso que fiquei de coração partido resta continuar a ler esta trilogia para perceber o rumo dos próximos livros.


Este exemplar foi gentilmente cedido pelas Edições ASA em troca de uma opinião honesta.

Sem comentários:

Enviar um comentário