Crónicas de uma Leitora: [Opinião] O Hobbit de J.R.R. Tolkien

segunda-feira, 27 de janeiro de 2014

[Opinião] O Hobbit de J.R.R. Tolkien


Para mais informações clicar aqui

Sinopse:


"O Hobbit" é a história das aventuras de um grupo de anões que vão à procura de um tesouro guardado por um terrível dragão.

São relutantemente acompanhados por Bilbo Baggins, um hobbit apreciador do conforto e vida calma. Encontros com elfos, gnomos e aranhas gigantes, conversas com o dragão, Smaug, o Magnífico, e a presença involuntária na Batalha dos Cinco Exércitos são algumas das experiências por que Bilbo passará. "O Hobbit" é não só uma história maravilhosa como o prelúdio a "O Senhor dos Anéis"



Não sei bem em quanto tempo li este livro, mas depois de ter devorado a trilogia do Senhor do anéis, soube que teria de ler tudo sobre este mundo criado por J.R.R. Tolkien.

O hobbit acontece antes da Trilogia e conta-nos a grande aventura de Bilbo, e de como o anel do Suron foi ter as suas mãos.

Bilbo Baggins é um hobbit, que vive no shire, um dos lugares mais pacíficos do mundo. adora ficar na sua terra descansado a fumar o seu cachimbo. No entanto tudo muda quando Gandalf o visita, e posteriormente anões que invadem a sua casa e a desarrumam toda. Sujando tudo, comendo enquanto cantam e esgotando toda a comida que Bilbo tem na sua pequena casa.

Pior ainda é o que estes anões querem. Pensando que ele é um grande assaltante, e experiente, querem leva-lo para a chamada "grande aventura" que mudara a vida de todos eles. Entrar sorrateiramente e roubar algo que os anões querem e precisam. Até parece fácil, não fossem os hobbits serem conhecidos por serem seres calmos e por nunca saírem da sua terra, tal como não se meterem em conflitos.

Mas, Bilbo acaba por não resistir a entrar nesta grande aventura que se tornou a maior da sua vida.

Ah! E não fosse este grande tesouro ser guardado por um dragão, um grande dragão. Nada que o pequeno hobbit não consiga lidar... ou não.

A escrita de Tolkien é sempre cativante, e este não excepção, parecendo que é o próprio que nos está a contar a história. Com descrições mágicas e acontecimentos surpreendentes é impossível de deixar de o livro de lado para fazer outra coisa qualquer, quando começarem a ler o livro , não o vão querer largar.

Sem comentários:

Enviar um comentário