Crónicas de uma Leitora: Livre para Amar | J. A. Redmerski | Editorial Presença | Opinião

quarta-feira, 10 de fevereiro de 2016

Livre para Amar | J. A. Redmerski | Editorial Presença | Opinião

Podemos seguir a razão ou o coração.
Sienna Murphy gosta de planear cuidadosamente cada pormenor da vida.
Depois de terminar a faculdade, arranjou um emprego bem remunerado e alcançou a estabilidade com que sempre sonhara. Um dia, durante uma viagem de trabalho ao Havai, Sienna conhece o surfista Luke Everett. Atraída pelo seu charme descontraído e despreocupado, decide cancelar todos os compromissos e ficar no Havai mais duas semanas.
Luke é o oposto de Sienna, mas, à medida que a conhece melhor, não consegue evitar a profunda ligação que sente. Só que Luke não pode dar a Sienna um final feliz, pois o segredo que esconde ameaça abalar o futuro…


Para mais informações ou para adquirir Livre para Amar, clique AQUI

É tão difícil escrever esta opinião porque tive imensos sentimentos ambíguos ao longo da leitura, se por um lado foi a altura certa para o ler por outro foi a altura errada, eu sei pareço bipolar mas explico. A história passa-se maioritariamente no Havai e sentimos que estamos lá, Redmerski consegue transportar-nos e fazer-nos sentir o sol quente na cara e ouvir a chuva enquanto estamos deitados numa rede, porém tenho andado tão deprimida e com tantos problemas que estava muito difícil focar-me na história e entrar nela. 

Houve algumas coisas que foram um pouco difíceis de assimilar, como a rapidez com que Sienna aceita ficar duas semanas no Havai depois de passar 3 horas com Luke, confesso que tinha esperado que houvesse uma ligação maior entre eles antes dela tomar essa decisão e isso foi mesmo o que me levou a questionar a relação deles durante muito tempo. Porém devo dizer que este deve ser o romance mais doce que já li e mesmo com alguns problemas este casal supera os obstáculos de uma forma espantosa.

Luke é amoroso, romântico, encantador, é difícil não nos apaixonarmos por ele e Sienna é tudo o que ele precisa e merece doce, compreensiva, inteligente. Ambos lutadores e cheios de vontade de viver são o casal mais fofo que li nos últimos tempos (sim utilizei fofo numa opinião, eles são mesmo fofos).

Apesar da relação entre ambos ter crescido demasiado rápido conseguimos também ver que os alicerces são profundos e há algo em Luke que nos atrai irrevogavelmente e que nos faz torcer para que ultrapasse os seus "demónios". Mesmo sendo um livro com alguma carga emocional não é tão dramático ou complicado como outros livros do género e isso é bom, por vezes precisamos de livros mais simples que possamos ler com o coração mais leve sem esperar grandes sobressaltos. Conseguimos perceber bastante cedo que a distância não será entrave pois tudo converge para que o final seja feliz (ou não!). 

Redmerski continua com uma escrita bastante simples e envolvente e com uma narrativa bastante fluída (o que me levou a irritar estar a demorar tanto a ler). Temos mais uma vez um livro com os dois pontos de vista o que nos faz ter acesso total aos pensamentos dos protagonistas o que é algo que me agrada bastante neste género. Fiquei indecisa entre as 3 e as 4 estrelas e apesar de ter dado 3 ainda estou a ponderar a classificação final. É o romance perfeito para o dia dos namorados.



Este exemplar foi gentilmente cedido pela Editorial Presença em troca de uma opinião honesta.

Sem comentários:

Enviar um comentário