Crónicas de uma Leitora: Um Conde Apaixonante | Sarah MacLean | TopSeller | Opinião

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016

Um Conde Apaixonante | Sarah MacLean | TopSeller | Opinião




Lady Philippa Marbury, ou Pippa, é… estranha. É jovem, bela e filha de um marquês respeitado da sociedade, mas interessa-se por livros em vez de rapazes, por ciência em vez de passeios, e por laboratórios em vez de amor. O seu plano é casar-se em breve com o seu noivo, um homem simples, e viver o resto dos dias em sossego com os seus cães e as suas experiências científicas. Mas antes do casamento, Pippa tem duas semanas para experimentar tudo o resto. Quinze dias para fazer pesquisa sobre as partes excitantes da vida. Não é muito tempo e, para o fazer, precisa de um guia que esteja familiarizado com os recantos mais obscuros de Londres.


Ela precisa de Cross: o sócio da casa de jogo mais exclusiva da cidade, e que tem fama de ser o maior conhecedor do mundo do vício e dos prazeres. Mas a fama muitas vezes esconde segredos negros, e quando a nada convencional Pippa lhe pede que lhe arruíne a reputação, isso vai ameaçar tudo o que ele sempre se esforçou por proteger.




A Topseller é daquelas editoras que nos dá livros bons como quem dá amendoins aos macacos no jardim zoológico, é assim aos pontapés e às vezes até nos custa termos que dizer que só publicam coisas boas porque ainda dizem que somos uns graxistas... mas que culpa tenho que só me apresentem livros que merecem de 3 estrelas para cima? Aliás a maioria são de 4 e 5 estrelas! Este levou 4, não chegou bem às 5 mas ainda estive indecisa porque 4 parecia pouco.

Adorei este casal, tanto Pippa como Cross são pessoas pouco convencionais para a época mas muito divertidos, a forma como se conhecem é absolutamente hilariante porém a autora soube dar um toque igualmente dramático à história. Só tive pena de se ver tão pouco do resto da família de Philippa que marcou bastante o livro anterior e foi esse factor que me impediu de dar as tais 5 estrelas. Adorei os apontamentos de Pippa no inicio de cada capitulo, o que começa como uma experiência científica cresce de uma forma que nem ela sabe bem como lidar com isso e é interessante vermos uma mulher da ciência descobrir o amor e o prazer de uma forma que julgava impossível. Uma das coisas que mais gosto nesta série é o facto dos livros girarem à volta dos proprietários do clube e não em nome das damas ou de uma família como muitas outras que conhecemos.

Não há nada a apontar à qualidade da escrita da autora que se mantém excelente, como referi soube balançar o humor e o drama de forma perfeita e a evolução das personagens é cadenciada e envolvente deixando-nos agarrados ao livro.

Resta-nos esperar pelo terceiro livro que chegará já em Fevereiro e que nos conta a história de Temple mas devo confessar que o livro que mais ansiosa me deixa é mesmo o último, do Chase mas não vou dizer porquê, é spoiler (se quiserem saber vão ler a sinopse em inglês lol).

Este exemplar foi gentilmente cedido pela Topseller em troca de uma opinião honesta





Sem comentários:

Enviar um comentário