Crónicas de uma Leitora: Graphic Novel | Twilight - parte 1 e 2 | Stephanie Meyer & Young Kim | Opinião

domingo, 27 de setembro de 2015

Graphic Novel | Twilight - parte 1 e 2 | Stephanie Meyer & Young Kim | Opinião


A  celebrar o 10.º aniversário Twilight foi uma saga que marcou uma viragem na minha vida, fazendo que a determinada altura voltasse ao mundo dos livros e mergulhasse nas leituras de cabeça. Apesar de gostar de ler desde sempre a verdade é que se passaram muitos anos sem que lesse um único livro e por muitas desculpas que invente a verdade é que tinha perdido a vontade. Fui aconselhada tantas vezes por uma amiga que disse que estes eram os livros-sensação que acabei por ceder e li os 3 primeiros em dois dias. Há um par de ano que tinha curiosidade em relação à graphic novel e aproveitei que ando empolgada com as leituras digitais para ler online.



 Depois de ter lido os livros dúzias de vezes não foi difícil entrar na história e ler a primeira parte em pouco tempo. Recordar uma Bella desajeitada mas curiosa e um Edward estranhamente assustador e adorável foi muito divertido. Aquilo que mais me fascinou foi sem dúvida a arte desta graphic novel uma vez que a história eu já conhecia.



Confesso que já não achei a mesma piada à história, Bella é uma tola que se deixa apaixonar por um ser que mal conhece, a verdade é que é difícil ver o amor a despontar apenas percebemos uma curiosidade estranha e um juntar de factos absurdos que levaram a conclusões surpreendentes. E a adoração/tentação que Edward sente por ela é também bastante básica e assustadora.


Várias autoras ao longo dos anos foram transformando o mito dos vampiros moldando-os às suas histórias, umas de forma mais sangrenta, deixando-os permanecer os monstros que sempre foram e outras romantizando-os. Contudo nenhuma autora chegou ao extremo de Meyer que transformou os vampiros em luzes de néon. Só ficou a faltar piscarem. Mas tirando esse pequeno detalhe (julgo que todos preferiríamos que a luz os ferisse) gostei que os mostrasse como uma "raça" superior em força e velocidade.


Os dois volumes foram bem divididos e a segunda parte é bastante mais interessante que a primeira visto que é nesta que acontece toda a acção com a aparição de um novo clã com um batedor entre eles.



Uma vez que a história já me era bastante familiar a curiosidade era mais em perceber como a adaptação a graphic novel a tinha transformado, gostei bastante mas não lhe daria mais de 3 estrelas pelo enredo. A arte, que como já referi foi o que me fez ler, é outra história, levaria 5 estrelas, adoro o desenho, as cores que vão do simples p/b a tons sépia ou com vermelhos, apenas pequenos apontamentos de cor. O traço é lindíssimo e foi sem dúvida o que mais me cativou deixando-me fã de Young Kim.



Gostaria de ler a graphic novel de  New Moon mas de momento não a tenho por isso terei de aguardar uma oportunidade. E vocês costumam ler graphic novels? Quais aconselham?



4 comentários:

  1. Nunca fui muito de ler Graphic Novels. Até agora li apenas 2, mas essa sempre fui uma que eu queria ler porque adoro Twilight. Sei ver a quantidade de clichés e coisas do tipo que tem agora que releio, mas a primeira vez que li era mais novinha e marcou-me muito.
    Beijinhos
    www.fofocas-literarias.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  2. Nunca li uma Graphic Novels mas li a saga Twilight. Gostei bastante da saga.

    ResponderEliminar
  3. Só tenho o primeiro destes dois livros, pois nunca encontrei o segundo à venda em lado nenhum. :/ Aprecio muito os desenhos. <3

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. acho que só foi publicado o primeiro em pt, li em inglês

      Eliminar