Crónicas de uma Leitora: Volta para mim | Mila Gray | Opinião

domingo, 30 de agosto de 2015

Volta para mim | Mila Gray | Opinião




«Volta para mim. Foi a última coisa que eu lhe disse. Sempre. Foi a última coisa que ele me disse.»

Regressado de uma missão em Cabul, o marine Kit Ryan sente-se perigosamente atraído por Jessa, irmã do seu melhor amigo. Mas Jessa parece ser a única rapariga que ele não pode ter. Kit, porém, não deixa que nada se interponha entre ele e Jessa, e ela rende-se irresistivelmente. O que começou por ser um namoro de verão, em breve se transforma numa relação que altera radicalmente o mundo de ambos. Kit tem de partir de novo, mas está disposto a sacrificar tudo por Jessa. Ela dispõe-se a esperar por Kit, aconteça o que acontecer. No entanto, para além da distância e do tempo, algo mais os separa... 

Volta Para Mim é uma história intensa e apaixonante sobre o amor e a amizade. Uma leitura irressistível e apaixonante perfeita para os fãs de Nicholas Sparks.

Para mais informações sobre este livro ou para o adquirir consulte o site da Editorial Presença, clique aqui

Assim que vi este livro senti-me irremediavelmente atraída por ele, a capa romântica, o título carregado de significado e a sinopse que prometia amor, tensão e lágrimas. Não foi de estranhar que pegasse nele assim que o recebi e não o tivesse largado até o terminar no dia seguinte (confesso que dormi e comi nos entretantos :) )

A história é intensa com personagens absolutamente deliciosas, Jessa e Kit são românticos, doces e divertidos, o namoro deles começa de forma quase impulsiva e passa por várias peripécias, é um namoro escondido e como tal é sempre mais empolgante e gostei bastante desta abordagem.

Logo no primeiro capítulo temos uma revelação devastadora, não é difícil adivinharmos a qual personagem vai acontecer algo mas ficamos sempre na dúvida até chegarmos a essa parte. Todo o desenvolvimento do romance até ao momento fulcral acaba por ser bastante leve tornando a leitura muito rápida. Porém ao chegarmos ao acontecimento que vai mudar o rumo da história  tudo se torna mais sombrio, cheio de sentimentos pesados dando uma visão mais negra dos sentimentos das pessoas. Vemos também como o stress pós-traumático arrasa a vida de quem vive situações extremas mas também de quem as rodeia.

Adorei que nem tudo fossem rosas e que em algum momento as coisas tivessem ficado no limbo levando-nos a questionar a sanidade de quem passa pela dor de perder quem se ama. Gostei bastante da escrita da autora e em como nos embrenhamos tão facilmente na leitura, também gostei que os capítulos fossem alternados entre Kit e Jessa levando-nos a explorar os sentimentos de ambos, outro aspecto bastante positivo foi a autora ter "arranhado" o tema das forças armadas americanas, em particular os marines, já há muito que queria ler livros com este tema e tive aqui uma introdução que me deixou com vontade de ler outras autoras que escrevem dentro do tema.

Confesso que este é um dos géneros que mais me tem atraído nos últimos tempos e felizmente tenho apanhado excelentes livros que me fazem querer apostar ainda mais.  Este é o primeiro livro deste género de Mila Gray o pseudónimo da autora Sarah Alderson por isso espero ler brevemente outros livros seus nomeadamente Hunting Lila (dentro do género YA). Será que a Editorial Presença nos irá trazer estes livros? Torço para que sim.






Este exemplar foi gentilmente cedido pela Editorial Presença em troca de uma opinião honesta


Sem comentários:

Enviar um comentário