Crónicas de uma Leitora: Leituras Harlequin em tempo de crise | Deanna Raybourn

terça-feira, 11 de agosto de 2015

Leituras Harlequin em tempo de crise | Deanna Raybourn

Agora que todos vamos para a praia e é uma chatice levar aqueles livros enormes das editoras tradicionais é muito mais prático levar quinhentos ebooks num tablet ou num e-reader. Mas como sabemos, regra geral, muito caros. Mas existem algumas editoras que resistem e a Harlequin oferece ebooks a um preço bem mais simpáticos em português :)

Imaginem comprar um ebook por menos de 4€ e ter uma série inteira por 11€! Três livros por 11€! É uma autêntica pechincha! Mas como a variedade é grande decidimos juntar as melhores séries para lerem. Para isso abordamos alguns bloggers e perguntamos que séries é que gostam e sugerem para os leitores.

Gostam de um bom policial misturado com um bom histórico? Então não percam este ebook da Deanna Rayborn em português pela Harlequin! Está a 1,99€ podem comprar pelo Kobo ou por $2.45 na Amazon! Com preços assim dá gosto ler em português e em ebook! Deixamos a sinopse e a capa.*


Tempo de Segredos
Deanna Raybourn
Número: 24 - Páginas: 384
ISBN eBook: 9788468758411
e-book 4,49 € 1,99 €

Porque onde tu estás, está todo o meu mundo.
«…que os ímpios sejam humilhados e calados fiquem no seu túmulo». Estas palavras sinistras, tiradas de um livro dos salmos, foram a última ameaça que sir Edward Grey recebeu do seu assassino. Antes de poder mostrá-las a Nicholas Brisbane, o investigador privado que tinha contratado para se proteger, sir Edward caiu morto na sua casa de Londres, na presença da sua esposa, Julia, e de vários convidados.
Embora ela estivesse convencida de que o marido tinha morrido em consequência de uma longa enfermidade, não hesitou em pedir ajuda ao enigmático Brisbane quando descobriu o papel onde figuravam aquelas palavras. Tentando levar o assassino de Edward perante a justiça, Julia começou a seguir pistas que revelaram uma verdade ainda mais terrível… Umas pistas que a aproximavam de um criminoso que esperava a sua chegada com impaciência.

*Estes posts não são patrocinados pela editora. Simplesmente achamos que como a carteira dos portugueses andam mais vazias, os ebooks devem ser de igual forma baratos. E, de qualquer, forma, a Harlequin portuguesa não parece receber muito amor.

Sem comentários:

Enviar um comentário