Crónicas de uma Leitora: O Exorcista, [Especial Halloween]

sexta-feira, 3 de outubro de 2014

O Exorcista, [Especial Halloween]




O EXORCISTA




Trailer do filme clique AQUI

O Exorcista (no original em inglês: The Exorcist) é um filme estadunidense de 1973, do gênero terror, realizado por William Friedkin. O roteiro é de William Peter Blatty, baseado em livro homônimo de sua autoria. O filme aborda a possessão demoníaca de uma garota de 12 anos pelo demônio Pazuzu. O livro de Blatty teve inspiração em um exorcismo de um garoto de 14 anos de idade documentado em 1949. O filme tornou-se um dos mais lucrativos filmes de terror de todos os tempos, arrecadando o equivalente a U$ 441.306.145,00 em todo o mundo. O Exorcista estreou dia 26 de dezembro de 1973 nos Estados Unidos e foi distribuído pela Warner Bros. Ganhou os Oscars de melhor roteiro adaptado e melhor som. Foi ainda indicado em outras oito categorias: melhor filme, melhor diretor, melhor atriz (Ellen Burstyn), melhor ator coadjuvante (Jason Miller), melhor atriz Ccoadjuvante (Linda Blair), melhor edição, melhor fotografia e melhor direção de arte. Foi o primeiro filme e até hoje o único filme de terror a ser indicado ao Oscar De Melhor Filme. (Fonte: Wikipédia).

Sempre gostei de filmes de terror, desde muito nova, género 8 ou 9 anos. Na altura às sextas-feiras dava uma série que se chamava A Casa do Terror, Hammer House. Cada episódio era diferente mas eu e a minha irmã adorávamos ver, no entanto, a minha mãe como todas as mães, não nos deixava ver. Primeiro porque não era adequado à nossa idade, segundo porque era muito tarde... então eu e a minha irmã arranjámos um plano, muito ao género de «Os Cinco». Levávamos lanternas para a cama e quando os meus pais se deitavam, rastejávamos (literalmente) pelo corredor (que era alcatifado) e fechávamos-nos na sala de jantar a ver a série em questão... sem som, para os nossos pais não se aperceberem...infelizmente sem som perdia metade da piada!

Após algumas séries muito sangrentas, vi O Exorcista quando tinha 13 anos e fiquei completamente aterrorizada! Ao ponto de nessa noite ir dormir com a minha irmã...e ela é mais nova do que eu!!! Fiquei tão tão tão perturbada, que nunca mais o quis ver. Cheguei a ver o Exorcista II e III mas o primeiro fiz-lhe uma cruz em cima. Cada vez que tinha de ir da sala ao meu quarto e por incrível que pareça, as luzes do corredor estavam sempre fundidas, tinha a ideia que quando acendesse a luz do meu quarto iria encontrar isto:


ou isto:


ou ainda pior:


Sejamos francas, não era de modo algum, agradável à vista!

O Exorcista tornou-se um clássico apesar de tantos filmes acerca de exorcismos que existem hoje em dia, acho que a caraterização da atriz Linda Blair, poderá ser considerada a «mãe» das atuais caraterizações de zombies!

Após 15 anos,resolvi ver o filme novamente, agora com a minha irmã mais nova, devia ela ter uns 9 ou 10 anos... ficou impressionadíssima... com o meu trauma! Não achou nada por aí além e ainda teve a «lata» de se rir enquanto eu sentia o coração aos pulos! Sinceramente, continuo a gostar de filmes de terror, não tanto como há 20 anos atrás e tudo o que meta exorcismos complica-me com os nervos. Vi há uns anos O Exorcismo de Emily Rose, aconselhada pela mana mais nova e também teve os seus efeitos negativos... andei mais de uma semana a acordar às 3h da manhã... quem viu o filme sabe o que quer dizer... quem não viu, seja corajoso e veja!!!

1 comentário:

  1. Por incrível que seja nunca vi o filme O Exorcismo.
    Já vi outros, entre os quais "O exorcismo de Emily Rose" que até gostei e lembro-me que fiquei bastante impressionada por ser baseado num caso real.
    Mas o filme original acho que teve sempre o misticismo de ser aterrador por ser o primeiro do seu género.
    Vou ver se aproveito este mês para ver ;)

    Bjinhos
    Sandra do blogue Vidas Desfolhadas
    http://vidasdesfolhadas.blogspot.pt/

    ResponderEliminar