Crónicas de uma Leitora: O sabor do momento, de Nora Roberts [Opinião]

domingo, 23 de março de 2014

O sabor do momento, de Nora Roberts [Opinião]

Sinopse

Laurel McBane sempre recorreu às amigas para apoio, especialmente quando o sonho de frequentar uma escola de culinária quase foi arruinado pelos problemas financeiros dos seus pais. Agora Laurel retribui a generosidade das amigas criando bolos extravagantes que acrescentam um toque perfeito à empresa de casamentos que fundaram.
Laurel acredita no amor mas é demasiado discreta para os luxos desejados por outras mulheres. O que ela aprecia mesmo são homens fortes e inteligentes, como Delaney, irmão da sua amiga Parker, por quem Laurie sente uma paixoneta desde criança. Mas algumas paixões duram mais do que outras e Laurel está convencida que o advogado, bem na vida, está fora do seu alcance.
Até que, certo dia, Laurel perde a cabeça e surge um beijo quente e inesperado entre ambos. Cheia de dúvidas e sem saber o que esperar do futuro, conseguirá transformar esse momento de paixão em algo mais eterno? 

 Nora Roberts consegue imiscuir-se nos nossos corações, criar raízes profundas e recusar-se a sair de lá. É assim que me sinto sempre que leio um livro da autora, cada vez que me embrenho numa leitura sinto-me envolvida pelo ambiente, pelas personagens.

O Sabor da Paixão é o terceiro livro do Quarteto das Noivas e conta a história de Laurel, a maravilhosa doceira da Votos, ao contrário de Emma e a par com Mac também ela teve uma adolescência conturbada devido ao facto dos pais passarem por vários problemas a nível pessoal e financeiro. Apaixonada por Delaney desde miúda mas sendo tratada por este como uma irmã, Laurel esconde os seus sentimentos.

Por outro lado Delaney que se comporta como o irmão mais velho das quatro raparigas não percebe o que se passa à sua volta, sempre em picardia com Laurel apesar de a adorar não consegue perceber que os seus sentimentos poderão ser algo mais se a isso se permitir.

Os livros deste quarteto têm sido pautados pela simplicidade do enredo, apesar de a autora conseguir descrever maravilhosamente todo o cenário envolvente deixando-nos realmente a "ver, ouvir e cheirar" todo o ambiente, não constroi histórias demasiado complicadas e é isso que me faz adorar estes livros. O romance cresce lentamente, desabrochando naturalmente, a amizade das mulheres é inquestionável e é o pilar de tudo o que as sustenta. Mais uma vez Nora Roberts deixa as personagens dos livros anteriores e futuros assumirem um papel determinante e apesar do maior destaque ser obviamente para o casal protagonista todos os outros são de vital importância para a trama. Adoro as personagens que a autora construiu, pessoas de caracter forte, personalidades interessantes e com valores bem definidos, trabalhadores, empreendedores e apaixonados pela vida, como poderiamos não gostar desta gente maravilhosa?

Romântico, descomplicado e absolutamente divinal, este é um livro a não perder.

Sem comentários:

Enviar um comentário