Crónicas de uma Leitora: Uma Paixão Escandalosa, de Emma Wildes [Opinião]

segunda-feira, 4 de novembro de 2013

Uma Paixão Escandalosa, de Emma Wildes [Opinião]




Sinopse
Após quatro penosas temporadas, a cativante Vivian Lacrosse pensava que estava finalmente noiva - até que o prometido foge… com outra. Mas, no último momento, o escândalo é dissipado pela improvável proposta de Lucien. Tudo parece estar bem até ao dia do casamento, quando um cruel acto de vingança leva Lucien para longe do altar e de solo britânico. Abalada com o que aparenta ser uma traição imperdoável, Vivian jura não voltar a confiar num homem…Mas quando Lucien regressa, pretende reivindicar Vivian mais uma vez e está disposto a fazer qualquer coisa para lhe conquistar o coração - mesmo que tenha de o roubar.
 


Emma Wildes é uma autora de grande sucesso em Portugal com vários livros publicados pela Planeta, o seu estilo inconfundível faz as delicias dos leitores e a sua escrita fluída é apaixonante.

Em Uma Paixão Escandalosa encontramos Vivian Lacrosse cuja referência no livro anterior nos faz perceber que seria uma personagem de relevo nesta série. A jovem com quatro temporadas fracassadas aceita casar-se com o seu amigo de infância Charles, porém ao descobrir que este está perdidamente apaixonado por uma jovem de origens simples incentiva-o a fugir com ela para a Escocia para casarem. É deste modo que o irmão de Charles, Lucien propõe casamento a Vivian de forma a retratar o comportamento do seu irmão. É neste ponto, logo no inicio que a autora me agarrou à história afinal desta vez é o homem que está há vários anos apaixonado pela mulher sem se ter atrevido uma aproximação devido à relação próxima desta com o seu irmão. 

Lucien mostra-se desde o inicio um noivo dedicado, atencioso e mais tarde apaixonado, fazendo Vivian render-se aos seus encantos, corteja-a de uma forma simplesmente deliciosa. Contudo o marquês de Stockton desaparece misteriosamente e sem qualquer rasto sendo as especulações grandes, entre a morte e a fuga ao casamento várias são as hipoteses colocadas.

Gostei bastante da forma como  a autora construiu toda a trama, como vem sendo habitual é-nos contadas duas histórias e desta feita o outro casal é Charles e a sua jovem esposa. O romantismo que Emma Wildes imprime é absolutamente adorável, os dois casais têm uma quimica bastante forte entre eles e a narrativa flui de forma natural agarrando-nos à história. A componente de intriga e mistério está lá mais uma vez e isso é sempre um ponto a favor da autora que não se restringe apenas ao romance, consegue inclusive construir momentos de tensão fortes e com graves implicações à história. Também a forte amizade entre Vivian e Charles é retratada de uma maneira excepcional, não é comum uma amizade assim entre um homem e uma mulher naquela época e por isso a autora conseguiu construir uma relação tão forte e ao mesmo tempo desprendida que esta se torna em algo puro e absolutamente platónica.

Resumindo, a autora segue um molde bastante usual nos seus livros, a sua escrita é bastante acessível e a história é bastante romantica fazendo da sua leitura fácil e rápida. Um livro absolutamente delicioso.

Sem comentários:

Enviar um comentário