Crónicas de uma Leitora: "Uma Mulher diferente" de Penny Vincenzi - opinião

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

"Uma Mulher diferente" de Penny Vincenzi - opinião

Sinopse
O casamento de Cressida Forrest ia ser perfeito. Com o seu aspeto esbelto e inocente, Cressida daria a mais bela das noivas, e Oliver Bergin, um jovem médico em ascensão, o noivo ideal. Com tudo preparado para o seu dia de sonho, Cressida deitou-se serena e feliz. Mas, na manhã seguinte, tinha fugido - sem causa aparente e sem deixar rasto. E o pesadelo começou...

Chocadas, preocupadas e atónitas, as duas famílias enfrentam um longo e doloroso dia de revelações, à medida que uma complexa e frágil teia de segredos sexuais, conjugais e financeiros vão sendo conhecidos como consequência do desaparecimento de Cressida.

Por que razão abandonou ela tudo e todos? Para onde foi e o que teria a esconder? E se não era a pessoa perfeita que todos julgavam, então quem era verdadeiramente?

Pela autora dos bestsellers Cruel Abandono e O Jogo do Acaso, um novo romance surpreendente e repleto de momentos inesperados.
 
 

Um livro intrigante, cheio de suspense e muitos segredos. Ninguém diria que uma história que parecia ser perfeita, se iria revelar uma história em que todos os personagens iriam ver os seus segredos mais sórdidos serem descobertos.

Tudo começa na véspera do casamento de Cressida e Oliver. Um casal que tinha tudo para ser feliz. Ela bonita, de boas familias, filha de um ginecologista de renome, ele advogado com uma carreira brilhante à frente. No jantar de véspera, em que estão reunidas as familias e os amigos, tudo parece estar perfeito. Os noivos felizes, as respectivas mães nervosas e preocupadas com os preparitvos. Perto da meia noite tudo acaba. É esta a altura em que deixamos de acompanhar Cressida, porque na manhã seguinte, no dia do seu casamento, ninguém a encontra. Ela simplesmente desapareceu, parecendo que não deixou uma pista para trás. Começa aqui um frenesim de loucura em que toda a gente a tenta procurar em que tentam descobrir o que aconteceu. Mas o que eles vão descobrir sobre a filha perfeita, faz dela tudo menos um modelo a seguir. Afinal ela enganou tudo e todos, mentiu e traiu. Com a descoberta da vida secreta de Cressida, começam também a vir ao de cima os segredos de amigos e familiares: o próprio pai, o padrinho, a mãe do noivo, o noivo. Será um verdadeiro enredo.

Um livro do qual gostei muito, mas que, para mim teve um defeito: existem demasiadas personagens logo no inicio. Cada capitulo é sobre um personagem diferente, em que é apresentado um pouco da personalidade deles. O que, para um inicio de livro é um pouco confuso. À medida que vamos lendo, e conhecendo cada um deles, torna-se mais simples de entender e de os conseguir identificar.

Mas se o inicio a leitura é um pouco lenta, depressa damos por nós a querer saber mais e mais. Afinal porque é que Cressida fugiu, porque é que o pai não quer que uma das convidadas apareça no casamento. O que será que o padrinho da noiva tanto esconde?

A autora consegue prender-nos com facilidade, deixando-nos ávidos por saber afinal que segredos é que toda a gente tenta esconder.

Sem comentários:

Enviar um comentário