Crónicas de uma Leitora: A Hora Secreta de Scott Westerfeld [Opinião]

segunda-feira, 1 de julho de 2013

A Hora Secreta de Scott Westerfeld [Opinião]

Para saber mais sobre o livro clique aqui

Sinopse:


Coisas estranhas acontecem à meia-noite. Niguém se mexe. O tempo para. Durante uma hora a cidade de Bixby pertence às criaturas das trevas.
Jessica Day chega a Bixby contrariada por deixar Chicago para trás, e as primeiras impressões não são positivas. A pequena cidade é muito quente, a água tem um sabor estranho, e Jessica não demorará a descobrir que este não é o único aspeto peculiar de Bixby.
Logo na primeira noite ela desperta de um sonho esquisito, que lhe revela que é a única pessoa que existe e que o mundo está suspenso no tempo. Rapidamente se aperceberá de que não se trata apenas de um sonho, e nesse momento o seu mundo muda para sempre. Jessica descobre um restrito grupo de jovens, chamado Midnighters, que consegue mover-se livremente numa hora da noite que não existe para mais ninguém: a 25.ª hora. Durante anos, os Midnighters e as criaturas das trevas partilharam esta hora tentando evitar-se mutuamente. Mas tudo isso muda com a entrada em jogo de Jessica e dos seus poderes secretos.

Opinião:

Scoot Westerfeld apresenta-nos com esta trilogia um mundo paralelo aos dia de hoje, mas que só é visível por algumas pessoas, os chamados Midnighters.

Jessica é uma rapariga de 16 anos, que nasceu á meia noite certa. Tal não seria nada de significante se não fosse o facto de ela mesmo pertencer aos Midnigters.
Ela, tal como outros consegue viver uma hora extra todas as noites, a chamada Hora Azul, enquanto que a humanidade está de certa forma congelada, está tudo parado, nada se mexe, a não serem eles. Jessica, tem poderes especiais que se intensificam durante esta hora secreta, mas claro Jessica é diferente, todos eles são afectados com a luz, excepto ela, e ao contrário deles, ela não sabe qual é o seu "super" poder. E há algo de errado com isso.
Mas não são os únicos a viver esta hora extra, os seres da Hora Azul também o fazem, e geralmente não atacam, mas quando se apercebem de Jessica, e dos seus poderes, decidem que tem de a apanhar.


A Hora Secreta é um bom livro, penso que serve mais para nos introduzir a este novo mundo. Com uma escrita simples mas muito fluída, cheia de acção e aventura, sendo uma boa leitura, que nos deixa curiosos com o que haverá de vir a seguir, embora não seja viciante, e também quando achamos que já descobrimos tudo aparece algo que nos diz o contrário.

1 comentário:

  1. Acabei de ler e gostei muito, concordo que abre o apetitea para o que há-de vir... E cá o espero ;-)
    Beijos

    ResponderEliminar