Crónicas de uma Leitora: "Sopro do Mal" de Donato Carrisi - opinião

quarta-feira, 26 de junho de 2013

"Sopro do Mal" de Donato Carrisi - opinião

Podem ver a opinião de Vasco aqui


Sinopse

ACREDITAR QUE ESTE LIVRO SE INSPIRA EM FACTOS REAIS É DIFÍCIL.
ACEITÁ-LO É IMPOSSÍVEL MAS É A PURA VERDADE.

Seis braços enterrados. Seis crianças desaparecidas. Um serial killer brilhante e monstruoso, que instiga outros a matar por si.
O criminologista Goran Gavila e a sua equipa de investigação são chamados a intervir, procurando descobrir um assassino que constantemente parece pô-los à prova.
Mila Vasquez, investigadora especializada em encontrar pessoas desaparecidas, entra em cena e junta-se à caça do homicida.
Mas cada passo que dá é, na verdade, controlado por uma mente genial e implacável. Tudo se passa como num diabólico jogo da verdade, como se o Mal trouxesse consigo uma mensagem.

Opinião de Carla

B.R.U.T.A.L, é a palavra que encontro para descrever este livro. Literalmente. Desde a história relatada, até aos factos, é simplesmente, enfim, brutal.

6 braços encontrados, mas só 5 pertencem a cadáveres. O 6º braço pertence a uma criança ainda viva. Mas para a encontrar os 5 elementos da equipa vai passar por situações que eles nem de longe poderiam prever. Tendo que lidar com os próprios "esqueletos" escondidos no armário, eles terão de ultrapassar situações que por vezes lhes vão parecer impossiveis de resolver.

Sendo Mila, o elemento convidado do grupo, não é de inicio muito bem aceite, mas o profissionalismo dela irá provar que tem todo o direito de estar ali. Consegue conquistar a amizade de todos à excepção de um elemento que desde o inicio a trata com desprezo. Só quase no fim do livro iremos saber a razão desta aversão.

Um livro que se lê de "um sopro". Um livro que lembra em muito a série "Criminal Minds", o que para quem gosta de policiais, é excelente. Fiquei fascinada, rendida e ainda a "ressacar" o fim. Adoro policiais, seja em livro, seja filme ou série. Tenho lido e visto muito, este arrebatou-me completamente. Sempre que pensava que finalmente se ia descobrir mais qualquer coisa, eis que a história sofre um volte face e nada do que fazia sentido o faz. Não é fácil acreditar que há mentes tão perversas, tão más, tão destituidas de sentimentos que só pensam em destruir, matar e espalhar horror.

Com bastantes pormenores criminologistas é um livro que recomendo, sem qualquer tipo de dúvida.

2 comentários:

  1. Parece ser um bom livro. O mistério, o suspense são elementos que todos os leitores gostam de ver bem desenvolvidos num livro, especialmente, os fãs de policiais (sim, sou o caso).
    Ass: Mistery

    ResponderEliminar
  2. Para mim, foi dos melhores do género que já li. Não sai da minha estante nem por nada, aconselho vivamente!

    ResponderEliminar