Crónicas de uma Leitora: "Perseguição Escaldante", de Janet Evanovich - Opinião

sexta-feira, 24 de maio de 2013

"Perseguição Escaldante", de Janet Evanovich - Opinião

Sinopse
Em New Jersey, os cadáveres surgem em catadupa. Ninguém sabe quem é o assassino em série nem o motivo por que anda a matar, mas o nome de Stephanie Plum, a caçadora de recompensas, está na lista do homicida.
Stephanie corre contra o tempo para descobrir o que se passa, mas tem ainda de enfrentar outras complicações na sua vida. A sua família e amigos insistem que chegou o momento de escolher entre o seu eterno namorado, o detetive Joe Morelli, e o rebelde mas sedutor Ranger, dono de uma empresa de segurança. E a sua mãe está apostada em juntá-la com Dave, uma ex-estrela do futebol americano. Com um assassino implacável no seu encalço, um punhado de homens sedutores e fogosos atrás de si, e assombrada por uma lista de faltosos a tribunal que incluem um urso bailarino e um vampiro de idade já avançada, a vida de Stephanie parece prestes a entrar em brasa.
Perseguição Escaldante é um policial divertido e autêntico, que vai arrancar muitas e muitas gargalhadas.

Opinião do Vasco
Engraçado. Descontraído. Relaxante.
"Perseguição Escaldante" é um livro policial, mas pouco, e hilariante, tanto quanto se possa imaginar. Todas as personagens são insólitas, desde as avós, passando pelos vilões até à protagonista e a sua amiga que a acompanha na maior parte das ocasiões.
Penso que este seja o ponto forte do livro: a comédia. As piadas sucedem-se em todas as páginas, sendo que a autora abusa delas até à exaustão. Eu gosto particularmente deste tipo de humor, como por exemplo uma personagem que se julga vampiro, que age de forma tão natural que leva a que os outros suspeitem que efectivamente o seja, ou um episódio que descreve uma espécie de feitiço do qual a protagonista se socorre para justificar a sua má conduta moral.
O resto da narrativa é fluída, repleta de diálogos e agradável.
Um bom livro para quem precisa de rir ou de manter a boa disposição. 

Sem comentários:

Enviar um comentário