Crónicas de uma Leitora: "A Lenda do Vento", de Stephen King - Opinião

sexta-feira, 3 de maio de 2013

"A Lenda do Vento", de Stephen King - Opinião

 
 
Sinopse
Em A Lenda do Vento, Stephen King transporta-nos à Terra Média, o território espetacular da saga A Torre Negra.
Roland Deschain, Jake, Susannah, Eddie e Oy enfrentam uma terrível tempestade quando acabam de atravessar o rio Whye e são obrigados a abrigar-se numa cidade há muito abandonada. Embalados pelo brilho das chamas e pelo uivo do vento, os quatro companheiros acompanham o pistoleiro em dois episódios de seu passado. Uma viagem encantadora e assustadora ao mundo de Roland e um testemunho do poder e da magia de Stephen King a contar histórias.
 
Opinião do Vasco
No início do livro o autor escreve uma nota através da qual fornece algumas informações para que o leitor possa ler "A Lenda do Vento" de forma isolada. Isto porque esta narrativa está inserida numa série onde um mundo diferente é concebido. Assim, através da tal nota, podemos facilmente imaginar e entender em traços gerais a parte ambiental e emotiva em que a história se enquadra.
Nisto concordo com Stephen King. Tudo se desenvolve com naturalidade e é facilmente perceptível.
Contudo, enquanto leitor, não partilhei dessa facilidade por outro motivo: as personagens. Assumo-o por nunca ter entendido o que verdadeiramente as move e os laços que as unem. O facto de não serem poucas também não ajuda. Talvez com o desenrolar da história se tenha uma percepção, mas, para mim, tarde demais.
A escrita é óptima e empolgante. As descrições e os diálogos muito bem feitos. Contudo, quanto a mim, faltou orientação, porque as personagens surgiram como se eu as conhecesse, e eu não as conhecia.
Penso que o resultado da leitura depende do que cada um precisa para a entender na perfeição. No meu caso, eu precisaria de mais.
 



Sem comentários:

Enviar um comentário