Crónicas de uma Leitora: [Opinião] Eu, ela e os Vampiros de Carlos Rodrigues

segunda-feira, 8 de abril de 2013

[Opinião] Eu, ela e os Vampiros de Carlos Rodrigues

 Autor: Carlos Rodrigues
Edição/reimpressão: 2012
Páginas: 148
Sinopse:
"A noite sempre foi o seu palco favorito, embora nos últimos tempos, agraciados com o imenso poder do Vampiro Supremo que tinha grande parte do seu mundo no seu controlo, pouco se cuidavam com a estratégia dos seus ataques, destruindo tudo e todos à sua passagem, sem cessar, sem misericórdia..."
Na mente de Diana surgiu o globo azul que, lentamente, era tingido por manchas negras, ouviu gritos de dor, viu homens a lutarem contra sombras roxas e aldeias a serem destruídas. Florestas inteiras ardiam e os montes cediam à força de um exército negro que, liderado por uma criatura grotesca, marchava sobre o mundo...
Mesmo quando todo o mundo parecia conquistado, uma intensa luz branca brilhou e fez a onda negra recuar. A luz branca fez a Diana virar-se na cama repetidamente, até despertar, encharcada em suor.
Opinião: 
Eu, ela e os vampiros, conta a história de dois adolescentes,Carlos e Diana,que descobrem que possuem uns certos poderes e que tem uma missão.
Numa visita a Igreja de S. Francisco no Porto, Carlos junta as duas mãos e sai-lhe uma pequena luz que ele não sabe o que é, mas repara que tal acontece quando ele pára em frente de uma estátua que posteriormente ganha vida e os ataca despertando também os poderes de Diana.
E assim começa a aventura de Diana e de Carlos pelo mundo de vampiros que estes pensavam tratar-se de um mito.
Com poderes como a manipulação de elementos e a telepatia, e com os espíritos de antigos guardiões, Sara e Daniel, e o seu mentor Diametris, Diana e Carlos vão ter que enfrentar um grande perigo, os vampiros. Sim, porquê estes vampiros não são simpáticos, muito pelo contrário, eles são maus, sedentos pelo sangue, criaturas cruéis e muito donos de si. São vampiros “a moda antiga” sem qualquer romance.
Neste livro Carlos, que é o próprio narrador da história, conta-nos a sua história com os dilemas, o treino intensivo que sofre e todos os perigos por qual atravessa com o desejo de salvar a humanidade da existência dos vampiros.

Uma leitura rápida, acessível, dedicado ao publico mais jovem mais ligado ao lado fantástico.
 

Sem comentários:

Enviar um comentário