Crónicas de uma Leitora: Crónicas da Vera

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Crónicas da Vera

Estou estupefacta, completamente aturdida com uma conversa que tive com uma blogger de beleza que conheci na altura que tive um blog desse género, Mimi Lucena. E a realidade bateu-me com uma violência assustadora. 

A questão que foi levantada acerca do quanto os bloggers de moda ganham foi algo que me chocou. Então não é um hobby? Não é um mero passatempo para descontrair? Como é que o que estas pessoas fazem pode ser fidedigno se estão a ganhar dinheiro com isso?

Dizia-me a Mimi que blogar é a sua profissão e no Brasil "quando um post é pago são obrigado a informar que é um publieditorial da empresa (...) aqui [em Portugal]  blogar é apenas Hobby"

E mais ainda "ser blogueira não é apenas criar um blog, receber produtos de empresa e falar bem só para agradar, não, é bem mais do que muita gente pensa, e não é a quantidade de escritos que te leva a ser reconhecido não". Até aqui penso que seja ponto assente para a maioria dos bloggers. Daí muita polémica existir em volta dos blogues interesseiros que são feitos apenas a pensar nos livros que irão lucrar com as parcerias.


Já a Mimi me dizia que "cada banner tem seu valor e tempo de contrato, tudo reconhecido legalmente. bloggar para alguns é um hobby, para quem se tornou profissão não".

Confesso que nunca imaginei que o que faço pudesse ser profissão mas é sem dúvida algo que dá muito trabalho. Afinal o meu blog tem uma equipa de 8 pessoas que eu tenho que gerir diariamente e não é dificil de trabalhar com nenhum deles pelo contrário mas tem que haver sempre conversações quase diárias. Enviar emails para editoras,  gerir as divulgações das publicidades que recebo, contactar autores para entrevistas, fazer passatempos e claro ler e tentar escrever uma opinião com pés e cabeça que consiga transmitir o máximo de informação sobre o livro fazendo o mínimo de spoiler possível. Para criar empatia sem aborrecer o leitor.

Contactei alguns bloggers literários brasileiros sobre esta questão e a Pâmela do blog http://garotait.com.br/ disse que no "Brasil muitos blogueiros deixaram seus empregos para se dedicar exclusivamente ao blog, sim. Os temas com mais destaque são os de beleza e humor. Isso dá muito dinheiro para eles MESMO. Mas blogs literários, no meu por exemplo, eu ganho dinheiro com programas de afiliados e venda de espaço em banners. Publieditorial ainda não é um espaço usado pelas editoras e lojas de livros. Porém, assim como em Portugal, as editoras também estabelecem parcerias com blogueiros e enviam exemplares para crítica. Cada uma tem suas regras e tal(...). Infelizmente esse "mercado" dos blogs literários ainda está caminhando muito lentamente."

Bem aqui também existe programas de afiliados mas sinceramente quem é que conhecemos que ganhe balúrdios com isso? Eu não conheço ninguém e por cá não vendemos espaços em banners ou alguém vende? 

Cheguei a várias conclusões mas ainda não consigoescrever sobre elas nem estou preparada psicologicamente preparada para isso, tenho que organizar as minhas ideias para mais tarde voltar ao tema. Estou também em vias de ter outra conversa com a Mimi Lucena que irá me esclarecer mais um pouco sobre esse assunto. Deixo-vos apenas dois links para verem e reflectirem.

A única coisa que tenho a dizer é que realmente a moda é sobrevalorizada enquanto a cultura é menosprezada! Bem eu prefiro ler a maquilhar-me...

http://tvg.globo.com/programas/mais-voce/videos/t/programas/v/veja-como-ser-nerd-esta-na-moda-e-pode-render-ate-r-5-mil-por-mes/2348238/

http://tvg.globo.com/programas/mais-voce/videos/t/programas/v/diferencial-cautela-e-qualidade-descubra-como-ganhar-dinheiro-na-internet/2350637/

Sem comentários:

Enviar um comentário