Crónicas de uma Leitora: Todas as palavras de Amor de Ana Casaca - Divulgação

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Todas as palavras de Amor de Ana Casaca - Divulgação



Foi um caso da vida real que inspirou este romance. Ana Casaca, a autora, recebeu por engano, em sua casa, postais de viagem enviados por um remetente que desconhecia. Nasceu aí a ideia de «Todas As Palavras de Amor»: uma mulher escreve cartas apaixonadas que vão parar às mãos de um desconhecido.

É uma história de amor inserida num mundo bem real e contemporâneo. O destinatário das cartas de Alice é um padre e esta história vai cruzar-se com a sua atormentada crise de vocação, espelho de uma realidade que a Igreja Católica vive nos dias de hoje. Um outro tema desenha-se também, dramático e pungente, em «Todas as Palavras de Amor», a adopção de crianças. A adopção de uma criança constitui um dos momentos mais comoventes deste livro.

Ana Casaca era, até agora, mais conhecida pelo trabalho de guionista de novelas da TVI (“Baía das Mulheres”, “Tu e Eu”) e da SIC (“Podia Acabar o Mundo” e “Rosa Fogo”). Mas, curiosamente, foi o seu primeiro romance, «A Vontade do Regresso», que levou Manuel Arouca a convidá-la para as suas equipas de guiões de novelas. “A Ana respira a escrita. Percebi logo isso na primeira página que li”, garante o autor.

Com «Todas as Palavras de Amor», Ana Casaca afirma-se como uma escritora de corpo inteiro, combinando no seu livro romance, paixão e idealismo, no melhor retrato das frustrações e sonhos da vida de casal que a literatura portuguesa nos ofereceu nos últimos anos.

1 comentário: