Crónicas de uma Leitora: Balanço 2012 - Vera

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

Balanço 2012 - Vera

Este ano que terminou foi sem dúvida nenhuma o melhor que já tive no que diz respeito a leituras. Foi o ano que mais livros li, que mais autores conheci, que descobri um mundo literário surpreendente e fantástico. Em relação a número não tenho a certeza mas sei que rondaram os 75 livros. Descobri que a literatura fantástica é um mundo que ultrapassa Sthephenie Meyer e J. R. Ward as únicas autoras do género que tinha lido até então. Descobri que cansei (pelo menos temporariamente) de romances contemporâneos e prefiro os de época. Não gosto de fantasia em que o autor constroi um mundo novo (como Bishop ou Hobb).
Através de uma amiga entrei em vários grupos de trocas e troquei desalmadamente, entrei num vicio desgraçado que me levou no final do ano a colocar um ponto final em 99% das trocas, tendo mantido apenas 2 ou 3 pessoas de confiança com quem trocar os livros.
Foi o ano que o blogue surgiu e foi graças a ele que a ânsia da leitura se intensificou. A gravidez também ajudou à leitura compulsiva uma vez que estive de repouso, depois do nascimento do bebé em Maio o tempo começou a escassear. Confesso que alguns livros foram tão fugazes que nem fiz review. Outros troquei e arrependi-me! Li ferozmente como não lia há muitos anos e senti-me feliz! Todos os livros que não me cativam de inicio não continuo a sua leitura por isso foram poucos os que não me agradaram.

As melhores descobertas do ano foram sem dúvida:

Saga Caçadores de Sombras da Cassandra Clare
Saga Hush Hush de Becca Fitzpatrick
Saga Raça da Noite de Lara Adrian
Criaturas Maravilhosas


Livros que não acabei de ler:
O Aprendiz de Assassino - Robin Hobb
O Dardo de Kushiel - Jacqueline Carey
Filha de Sangue - Anne Bishop

Livros que não gostei:
Imperfeitos - Scott Westerfeld
Escravos da Paixão - Kate Pearce
Noite de Reis - Trisha Ashley


Nos policiais descobri que adoro Steve Mosby e que Mo Hayder também está no topo. Já Steven Booth ainda não me convenceu mas estou disposta a dar-lhe outra oportunidade. Tenho medo de experimentar Steampunk apesar de me sentir curiosa. Quero continuar as sagas que comecei e adoro. Este ano é também o ano que me iniciarei nas leituras em inglês por dois motivos, quero aperfeiçoar o meu inglês e quero ler livros que não chegam cá ou sagas que ficam a meio aqui.

2013 vai ser um ano de aventuras!

Sem comentários:

Enviar um comentário