Crónicas de uma Leitora: "O Grande Amor da Minha Vida" - Paullina Simmons

domingo, 28 de outubro de 2012

"O Grande Amor da Minha Vida" - Paullina Simmons

O Grande Amor da Minha Vida - O Cavaleiro de Bronze (Tatiana and Alexander #1)


Sinopse:
Tatiana vive com a família em Leninegrado. A Rússia foi flagelada pela revolução, mas a cidade mais cosmopolita do país guarda ainda memórias do glamour do passado. Bela e vibrante, Tatiana não deixa que o dramatismo que a rodeia a impeça de sonhar com um futuro melhor. Mas este será o pior e o melhor dia da sua vida. O dia assombroso em que conhece aquele que será o seu grande e único amor. Ameaçados pela implacável máquina de guerra nazi e pelo desumano regime soviético, Tatiana e Alexander são arremessados para o vórtice da História, naquele que será o ponto de viragem do século XX e que moldará o mundo moderno.

Opinião:
Um triângulo amoroso no meio da Segunda Guerra Mundial. É a isto que se resume o livro “O Grande Amor da Minha Vida – O Cavaleiro de Bronze”, 1º livro da trilogia Tatiana e Alexander da autora russa Paullina Simons. Mas isto é apenas uma síntese do que as 700 páginas deste livro me transmitiram ao longo de duas semanas de leitura.

O livro tem como pano de fundo a Rússia dos anos 40, quando é invadida pelos alemães a mando de Hitler. Nesta Rússia ameaçada pelos nazis, conhecemos na cidade de LeninegradoTatiana de 17 anos, muito madura e consciente da situação que o seu país atravessa mas esperançosa no seu futuro. Devido à sua gula por gelados, conhece Alexander, um soldado do Exército Vermelho. They fall in loveE é este amor que nos irá prender, emocionar, fazer rir e chorar durante todo o livro.

Eu não vou contar a história, pois a magia deste livro é mesmo ler (ou devorar) todas as frases, todas as palavras e sentir a magia, a alegria, a mágoa, o drama, o sofrimento que este livro nos trás. A escrita da autora é viva, aquele tipo de escrita que nos transporta para acção, que nos leva para o interior das personagens. Damos por nós a sentir o que as personagens estão a sentir e a viver o amor do par protagonista. Sendo um romance histórico, os detalhes e descrições da guerra e de outros acontecimentos políticos não são poupados, e foi muito bom ver todo o enquadramento, principalmente quando é tão bem construído e detalhado. A pesquisa histórica está muito bem feita e pude realmente aprender algo. Adoro isso num bom livro.

Eu adorei a Tatiana, apesar da sua tenra idade, a personagem sofre uma evolução enorme ao longo do livro, a Tatiana das últimas páginas não é de todo a Tatiana no início deste livro. Ela é adorável, amiga, forte, inteligente (mesmo com 17 anos, consegue compreender bem as políticas do seu país, a guerra e o comunismo). Talvez a minha cena favorita é quando ela decide comprar um gelado, mesmo sabendo que a Rússia está prestes a ser bombardeada e que brevemente a sua vida irá mudar, mesmo sabendo que o futuro não é risonho, a esperança é sempre a última a morrer e até num clima de guerra, de fome e de miséria, há felicidade. Para Tatiana, aquele gelado era o seu último momento de felicidade genuína. E digamos que, se não fosse o gelado, não teria conhecido o amor da sua vida, o belo e gentil Alexander, um herói vindo da América e agora a lutar e representar a Rússia, o país que escolheu para ser o dele. Apanhado por um triângulo amoroso, irá sofrer pelo amor de Tatiana mas no fim tudo irá valer a pena.

Não é um romance bonito, como talvez algumas leitoras pensam, nem é uma história de amor destinada ao público feminino. É um livro forte que retrata um amor heróico, impossível de abalar. Um livro de qualidade que recomendo sem dúvida.

O final do livro deixa-nos com uma vontade imensa de pegar no segundo volume, a ser publicado brevemente (espero eu!pela Asa.

Mafi

Sem comentários:

Enviar um comentário