Crónicas de uma Leitora: A Casa dos Sonhos de Liz Fenwick - opinião

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

A Casa dos Sonhos de Liz Fenwick - opinião

Quando a artista Maddie herda uma casa na Cornualha, logo após a morte do marido, ela espera que isso seja o novo começo de que ela e enteada Hannah precisam desesperadamente. Trevenen é linda, mas negligenciada, uma casa rica em história. Maddie está encantada com ela e determinada a saber o máximo sobre o seu passado. Quando descobre as histórias das gerações de mulheres que viveram lá antes, Maddie começa a sentir que a sua vida está de alguma forma ligada àquelas paredes. Mas o sonho de Maddie de uma vida tranquila no campo está muito longe da realidade que enfrenta. Ainda a lutar com a sua dor e com Hannah, Maddie é incapaz de encontrar inspiração para a sua pintura e percebe que pode enfrentar a perspectiva de ter de vender Trevenen, agora que começou a amá-la. E enquanto Maddie e Hannah desvendam o passado de Trevenen, a casa revela segredos que ficaram ocultos durante gerações.



Opinião: Iniciei a leitura deste dia 8 de Setembro e terminei-o dia 9, isto deverá começar por dizer algo certo? Pela primeira vez em muitos anos, estou de férias e não me dá para ler policiais, têm sido romances atrás de romances, e todos eles bonitos... mas este... quem o tiver na estante por favor, leia os primeiros 2 capítulos...
A escrita é muito bem conseguida, no entanto a autora passa de uma cena para a outra deixando-nos num constante suspense, género os intervalos da TVI. Quando digo que passa de uma cena para a outra devo avisar que depois não a retomamos, já se passaram horas ou mesmo dias, várias foram as vezes que senti que a autora poderia ter desenvlvido um pouco mais a cena em questão.
Relativamente às personagens posso dizer que senti por diversas vezes, vontade de esbofetear Hannah por tanta falta de educação, no entanto esta insensibilidade é bastante visível na «maravilhosa» fase da adolescência, e sim critico-a muito pois recordo-me bem da minha «maravilhosa» fase... adorei o Tom, o Gunnar poderia ter sido mais explorado, o Mark... bem o Mark foi muito bem conseguido ;-)
O final do livro foi delicioso, choroso, emotivo... sem dúvida uma autora a seguir... vou já ao site dela ver o que há mais!!!!

1 comentário: